domingo, 28 de junho de 2009

Meu salário na net?

A polêmica dos últimos dias foi a divulgação por parte da Prefeitura de São Paulo dos proventos dos servidores.
Os erros nos salários, principalmente dos professores foi o maior absurdo. Teve nome de professor na lista com salário de 142 mil reais, vocês acreditam nisso? Houve um baita erro...
Um professor com diploma de nível superior, em início de carreira ganha em torno de R$1.200,00.
Os sindicatos entraram com um mandado de segurança coletivo e nessa semana constava na lista dos profissionais de educação:
I – nome completo;
II – cargo que ocupa;
III – unidade em que exerce o cargo.

Agora, a preocupação dos professores da cidade de São Paulo é com o famoso GDE (Gratificação de Desenvolvimento Educacional), um benefício pago de acordo com a assiduidade dos educadores e a taxa de ocupação da unidade escolar. O decreto para o pagamento da primeira parcela desta gratificação, que geralmente é paga em junho, ainda não foi publicado.
Há um Projeto de Lei mudando a nomeclatura do benefício, para Prêmio de Desempenho Educacional, com algumas alterações em relação a Lei atual.

Quer saber mais, veja a matéria do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal - SP (SINPEEM)
http://www.sinpeem.com.br/lermais_materias.php?cd_materias=3268

5 comentários:

Mateus Luciano disse...

eiquei impresionado com esta estoria simplismente cade o sindicato que deixou isso acontecer isso ,com certeza deve ser inconstitucional.

Silvia disse...

Pois é, concordo com vc!

betty mello disse...

Eles podiam fazer isto com os "parcos" salários dos políticos, não ? Parabéns pelo blog ! Um abraço, Betty

Professora Silvia disse...

É verdade Betty, não sabemos quanto nenhum deles recebe... Abraços

iTECTOTAL disse...

Olá professora, gostei do seu blog.
Vistite o Twitter:
www.twitter.com/sinpeem
www.itectotal.blospot.com
Estou precisando de uma ajudinha com o twitter.
Obrigado!