terça-feira, 15 de outubro de 2013

É hoje: Dia dos Professores - As melhores aulas da minha vida


Sou professora na Educação Infantil, pré-escola, desde 2007, mas era o que chamávamos de eventual, não tinha turma.
Em 2008, acessei o cargo de professora titular e ganhei minha primeira turminha, com crianças de 3 anos e meio à 4 anos, um verdadeiro presente!

Nesse dia dos professores parei para refletir sobre as melhores, e mais emocionantes, aulas da minha vida, a cada ano lecionado:

As melhores aulas da vida:

  • 2008: Sólidos geométricos, "O que rola e o que não rola" Empolgou a turma de 04 anos, faziam teste em tudo que viam.
  • 2009: Peso, volume, tamanho, "Semana das bexigas", aprendizagem e diversão com as crianças de 05 anos.
  • 2010: Animais, "Proteção aos animais", discussões, atividades e desenhos com as crianças de 05 anos, para aprender a cuidar e proteger os animais do Zoológico.
  • 2011: Animais/Alfabeto, "Bichodário da sala lilás", descobrir com as 2 turmas, 05/06 anos, um animal para cada letra do alfabeto e algumas características, criação de um produto audiovisual.
  • 2012: Receita/Culinária, "Sopa coletiva", turma de 05/06 anos contribuíram com os ingredientes e ajudaram a criar a receita e fazer a sopa. A experimentação foi emocionante.
  • 2013: Natureza/Mata Atlântica, "Preservação do bioma e dos animais". As discussões com as crianças, 05/06 anos, são empolgantes, eles adoram falar o quanto é importante salvar a natureza.


FELIZ DIA  A TODOS OS EDUCADORES!!!

2 comentários:

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagensé um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita.
Ficarei radiante se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, saiba que sempre retribuo seguido também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
Sou António Batalha.

Profa. Silvia S. disse...

Olá Antônio, obrigado pela visita, estou visitando sua página, abraços!